Pesquisar este blog

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Berggy e a religião mundial única



Todas as religiões são iguais: cada uma encontra deus a seu modo.
Ou seja, todas são falsas, principalmente o Catolicismo.
O sacrifício de Jesus Cristo na Cruz foi um inútil ato de fanatismo criptolefebvriano, que é melhor esquecer.

Eis as intenções do antipapa, pelas quais os fiéis deveriam rezar durante o falso Jubileu da falsa Misericórdia.

E o pior, como observa brilhantemente Maria Guarini em seu blog Chiesa e Post Concilio, é que a tal "única certeza" do antipapa no vídeo, "que somos todos filhos de Deus", não passa de um absurdo  segundo a doutrina católica: todos somos CRIATURAS de Deus, mas só a Fé em Jesus Cristo, nosso Deus e nosso Salvador, nos torna filhos de Deus, como aparece claro como o sol no Prólogo do Evangelho de São João: "Veio para o que era seu, mas os seus não o receberam. Mas a todos que o receberam, aos que creem em seu nome, deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus, os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus" (Jo, 1, 11-13).

Vergonhoso.

3 comentários:

  1. Isto é o mistério da iniquidade.
    Já deve ter ouvido a excelente homilia do Padre Alfonso Gálvez do passado domingo, parece que foi feita de propósito para responder a esse sacrilégio, apesar de ser anterior a sua publicação.

    Basto

    ResponderExcluir
  2. LUIS!!!!

    Entre no "site" www.denzingerbergoglio.com e leia as
    122 HERESIAS bergoglianas, que os PADRES do denzinger já catalogaram!!!!

    Você vai ficar...estarrecido!!!

    Estamos diante de...um.."loco de atar"
    como apropriadamente o chama o Pe.JOSEPHMARYAM do "site" www.lumenmariae.com

    "Loco de atar"...e LOBO.. infernal adepto do...."ISCARIOTISMO"!!!😨
    Cruz credo! Tres vezes!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela dica, Marie! Parece interessante. Assim que der uma brecha, vou ler mais a fundo. Merci bien!

      Excluir