Pesquisar este blog

quinta-feira, 25 de junho de 2015

Joseph de Maistre e o (anti)papa herege


Já duzentos anos atrás o velho Joseph de Maistre respondia àqueles que acreditavam na possibilidade de um Bergoglio papa, ou seja, de um papa herege e inimigo furioso da Igreja e da Fé de Cristo:

Mas, dirão alguns, talvez, segundo os contendores modernos, se o Papa se tornar herege, furioso, destruidor dos direitos da Igreja etc., qual será o remédio?
Respondo (...) que os homens que se divertem em fazer hoje esse tipo de suposição, embora durante mil oitocentos e dezessete anos elas jamais se tenham realizado, são muito ridículos ou muito culpados.
(Du Pape, ed. Vitte. p. 22)

Sábias palavras. Só que o caso hoje é ainda pior, pois vemos que Berggy faz tudo isso sob os aplausos dos cardeais e de suas peruquinhas. Não é só ridículo chamar Jorge Bergogluio de vigário de Cristo na terra: é pura blasfêmia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário