Pesquisar este blog

terça-feira, 24 de março de 2015

Bergoglio, Fátima e o inferno


A que ponto chega a hipocrisia e a falsidade de Jorge Bergoglio e o seu total descaso das coisas santas, que usa como mero instrumento de promoção pessoal:

Em maio de 2013, a pedido pessoal de Bergoglio, o cardeal patriarca de Lisboa consagrou o seu pontificado a Nossa Senhora de Fátima. A mesma Virgem que mostrara aos pastorinhos de Fátima as impressionantes imagens dos tormentos das almas no inferno.

Tudo isso para que agora o antipapa confesse ao seu todo-poderoso amigo maçom, e por ele às multidões de fiéis lobotomizados, que o inferno não passa de conversa fiada.

Em Bergoglio, tudo é falso. Mas é preciso admitir a coerência de seus atos. Com certeza, se tivesse uma fé pequena que fosse no inferno, não ousaria cometer a montanha de sacrilégios, blasfêmias, heresias e escândalos que vem acumulando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário