Pesquisar este blog

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Catolicismo exterminado entre os jovens americanos: 0%



Nesta edição de The Vortex, Michael Voris fala de uma recente pesquisa feita nos Estados Unidos sobre a relação entre os jovens e a Igreja naquele país. A pesquisa acompanhou jovens de 18 a 23 anos durante um longo período.

Os resultados? Nos cinco anos que durou a pesquisa, que envolveu milhares de jovens batizados, não foi encontrado NENHUM jovem, NINGUÉM, 0%, NADA, que possa ser chamado de um católico devoto, que creia no que a Igreja ensina e dedique a sua vida a Cristo.

71% dos jovens se afastaram da Igreja, e 29% são aquele tipo de católicos que tão bem conhecemos no Brasil, que acham Jesus Cristo um cara legal, mas meio reacionário, uma espécie de predecessor distante e careta do padre Marcelo e de São Jorge Bergoglio.

Sucesso total da Grande Avacalhação.

Por isso mesmo quando São Jorge topou com um grupo de jovens italianos, os Franciscanos da Imaculada, que creem, sim, na doutrina da Igreja, e dedicam, sim, a vida à Virgem Imaculada e a Seu Filho, Nosso Senhor, a reação foi imediata: fogo neles!

Saravá, São Jorge! Good job!

Nenhum comentário:

Postar um comentário