Pesquisar este blog

terça-feira, 8 de abril de 2014

Canonização de João Paulo II: um crime?


Em seus mais de 25 anos como a mais poderosa figura religiosa, não conseguimos lembrar nenhum padre pedófilo ou bispo cúmplice que tenha tido de enfrentar algum tipo de consequência por ter cometido ou ocultado hediondos crimes sexuais contra crianças.

(Um advogado de vítimas de abusos sexuais)

Pode-se ler a citação acima e mais uma arrepiante descrição das calorosas relações de João Paulo II com o pervertido sexual polimorfo Marcial Maciel, e as implicações do caso na sua mais que escandalosa canonização por Bergoglio, no site de The Remnant.

É a desmoralização das canonizações da Igreja. Vemos que o incansável Bergoglio ataca por todos os lados, não quer deixar pedra sobre pedra mesmo!

Pensando bem, canonizar JP2 às pressas, sem levar minimamente em conta as suas omissões e responsabilidades no que se refere a milhares de acusações de abusos sexuais do clero em seu pontificado, quando ainda um sem-número desses casos ainda estão sob investigação policial, não é tentar uma vez mais encobrir esses crimes? Muito mais que um erro gravíssimo, não será simplesmente um crime?


Nenhum comentário:

Postar um comentário