Pesquisar este blog

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

O Caos e o Lógos


Não é à toa que o Papa Francisco coloque em último lugar entre as suas prioridades o estudo e a promoção do dogma católico. Com  a bagunça doutrinal instaurada pela Grande Avacalhação, é simplesmente impossível levar uma vida intelectual honesta e decente dentro dos quadros do alegre bom-mocismo teológico dominante. A Igreja bergogliana desistiu de pensar, daí a ênfase dada à agitação pela agitação, ao sair para transmitir uma mensagem que o próprio mensageiro ignora. Se com Bento XVI no princípio era o Lógos, para o hesiódico Francisco no princípio era o Caos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário