Pesquisar este blog

terça-feira, 24 de dezembro de 2013

Dúvida: contradição entre Magistério e Concílio

Admitindo a existência de contradição entre certas afirmações conciliares - por exemplo, sobre a liberdade religiosa - e certos documentos magisteriais anteriores - por exemplo, o Syllabus -, como dirimir o conflito? Deixando de lado a solução ratzingeriana baseada na contingência da matéria, o que levaria a uma solução de compromisso, prevalece o critério cronológico ou se deve admitir a prioridade do documento conciliar, por mais solene? Se alguém me puder explicar, agradeço de coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário