Pesquisar este blog

domingo, 1 de setembro de 2013

John Kerry, o bombardeio da Síria e a eletrocução pública de estudantes americanos


Neste primeiro vídeo, a eletrocução.


John Kerry admite em entrevista à TV que é membro do Skull and Bones, sinistra sociedade secreta sediada em Yale. Naquelas eleições, seu rival, Baby Bush, também era membro da mesma sociedade. O poder americano é literalmente cosa nostra,


Neste terceiro vídeo, a eletrocução com legendas em italiano.

Nos vídeos acima, John Kerry manda eletrocutar em público um estudante que ousou questionar o pilantra sobre sua filiação à sociedade maçônica Skull and Bones. Notem que o corte do microfone e a prisão se seguem imediatamente à pergunta proibida.

É esse o grande democrata que se diz no direito de "libertar" a Síria, ou seja, reduzir o país a um monte de escombros, e a fração da população que sobreviver a um bando de miseráveis famintos e mutilados, como já aconteceu no Iraque, na Líbia e no Afeganistão.

Simplesmente asqueroso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário