Pesquisar este blog

sábado, 8 de junho de 2013

Pôncio Pilatos e o Estado laico


A crucifixão de Cristo foi o primeiro conflito entre Igreja e Estado, e o de Pôncio Pilatos e Caifás, o primeiro governo laico.

Pilatos é o retrato mesmo do laicismo. Crendo-se chic e profundo, é o autor da pergunta mais imbecil da história da humanidade, ao questionar o que é a verdade ante a mesma Verdade e à mesma Verdade. E, além disso, covarde e pusilânime, dobrando-se a pressões ocultas variadas, mesmo àquelas que reconhece serem injustas e sanguinárias.

Mais um exemplo da vertiginosa atualidade dos Evangelhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário