Pesquisar este blog

terça-feira, 7 de maio de 2013

A filosofia e a estica


É característico da atmosfera filosófica imperante o temor reverencial da maior parte dos filósofos ante os textos do mago da Floresta Negra. Isso, mesmo nos lugares menos prováveis - ver o caso de Jean Guitton, quase subserviente em seu encontro com Heidegger - e mesmo sabendo que se trata de um dos mais obscuros autores de uma longa e obscura série de autores obscuros.

Pois o que se entende por filosofia é muitas vezes um pilequinho intelectual, fútil mas elegante, em que nada se distingue claramente, mas dá no geral certa sensação agradável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário