Pesquisar este blog

sábado, 20 de abril de 2013

Começa na França a demolição das igrejas


A bela igreja de Saint-Jacques, na cidade francesa de Abbeville, foi demolida pela prefeitura local esta semana. A decisão partiu do prefeito - devidamente registrado na loja maçônica local, é claro.

Mesmo pela lei francesa, notoriamente anticatólica, tal demolição deveria ter sido precedida de uma consulta ao bispo da diocese pertinente, o que não aconteceu. Só com a concordância do ordinário local se poderia pôr abaixo a igreja, e isso depois de dessacralizada, o que tampouco ocorreu.

Mas, é claro, por que se preocupar com essa gentalha católica, atrasada e homofóbica , que ainda insiste em seguir a Jesus Cristo? Desde quando católico tem algum direito??

Interior da igreja de Saint-Jacques, hoje demolida

Para quem tem alguma familiaridade com a história do anticatolicismo, é fácil ver que a destruição da bela igreja neogótica dedicada a Santiago é apenas a senha para declarar aberta e temporada de caça aos monumentos católicos franceses. Abre-se uma brecha na legislação, e onde passa um boi, passa uma boiada. Teremos, para gáudio dos vampiristas e satanistas chapa-branca, um boom imobiliário para a construção de shopping centers  e sex shops ali onde antes o Cristo oferecia seu corpo e seu sangue para nossa salvação. Isso servirá de estímulo aos vampiristas de outros países europeus, até chegarmos à glória final: a construção de um misto de shopping center, estádio de futebol e sex shop sobre as relíquias de Pedro, em Roma.

É instrutivo para se conhecer o atual estado do mundo comparar o tratamento dado ao fato pela mídia.

Enquanto o site russo Voix de la Russie se mostra indignado, o jornal católico progressista francês La Croix, figadal inimigo da Tradição apostólica, tem uma atitude muito mais pusilânime e conciliadora, chegando quase a dar razão ao prefeito. O que se, por um lado, confirma nossas mais negras suspeitas sobre a fidelidade de boa parte do clero francês à Igreja de Cristo, por outro lado nos enche de esperança. Sob Lênin e Stálin,  a Rússia já passou pelo que a Europa vem enfrentando ante nossos olhos. Hoje, porém, a Rússia  é de novo um país cristão, onde as igrejas arrasadas pelos comunistas vêm sendo regularmente reconstruídas.

Esperamos que isso aconteça em breve também na França.

Kyrie eleison, Christe eleison, Kyrie eleison.

4 comentários:

  1. "Mateus 10:14 Porém, se alguém não vos receber, nem der ouvidos às vossas palavras, assim que sairdes daquela casa ou cidade, sacudi a poeira dos vossos pés." A França, incluindo quase toda Europa, e sues socialistas estão perdidos, viraram um gueto, são uma colônia do Islã,

    ResponderExcluir
  2. Triste realidade !Demolir templos Sagrados e Obras Históricas ...
    Respeito e preservação das Igrejas Católicas urgente !!!
    É o fim do mundo ...

    ResponderExcluir