Pesquisar este blog

sábado, 11 de agosto de 2012

João Paulo II jamais disse que o darwinismo fosse mais que uma hipótese

O cardeal Sodano, suposto autor da fraude, 
ao lado da criminosa de guerra Condoleezza Rice

Lembro-me muito bem do dia em que foi publicada uma declaração atribuída ao papa João Paulo II acerca do darwinismo. Segundo foi noticiado, o papa teria afirmado que a teoria da evolução seria "mais do que uma hipótese".

Imaginem a ducha de água fria que foi a divulgação do infeliz palpite papal para os católicos que lutavam para defender uma concepção cristã do mundo contra os assaltos do ateísmo darwiniano.

Pois bem, leio hoje no site de Robert Sungenis  uma carta enviada por gente muito próxima do papa polaco que garante que João Paulo II jamais escreveu aquela frase. Ela teria sido inserida no documento enviado à imprensa pela máfia progressista da Cúria romana, gente ligada ao lúgubre cardeal Sodano.

Meno male para a memória de João Paulo II, e mais uma desonestidade na conta já kolossal do progressismo pós-conciliar.

É verdade que tenho lá as minhas dúvidas sobre a questão. Como a declaração foi amplamente divulgada na época em todo o mundo, seria fácil para o papa emitir uma nota de esclarecimento sobre o caso. Ele não o fez. Paciência. Mas pelo menos não foi o autor da obra. Ponto para ele.

PS: Segundo o romance The Windswept House, de Malachi Martin, o cardeal Sodano seria um dos chefes da clique satanista do Vaticano, núcleo duro dos escândalos sexuais que sacudiram a Igreja nas últimas décadas. Como se trata de romance à clef, não há como ter certeza, mas é o que consta de  uma chave de leitura amplamente divulgada pela internet e que nunca foi desmentida, que eu saiba.
De qualquer forma, trata-se de um clássico da literatura católica mais recente, e vale a pena ser lido. No mesmo site de Robert Sungenis, alguns vídeos com uma entrevista de Malachi Martin sobre o Vaticano, a Nova Ordem Mundial e o terceiro segredo de Fátima, a que Martin teve acesso.


Nenhum comentário:

Postar um comentário