Pesquisar este blog

sábado, 17 de dezembro de 2011

Max Jacob e o pecado de Judas


Do escritor surrealista francês, homossexual de origem judaica, convertido ao catolicismo:
"Você se julga menos culpado do que Judas, você, que recebeu a Hóstia de manhã e não se prepara para recebê-La de novo amanhã? Nossa! Este é o crime de Judas: receber seu Senhor e ir tratar de seus próprios negócios, traindo-O."
(Max Jacob, Méditations religieuses, Paris, Gallimard, 1947, p. 51)

Nenhum comentário:

Postar um comentário