Pesquisar este blog

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Descartes sobre Gênesis 1,4

Descartes por Franz Hals

Deum separasse lucem a tenebris, Genesi est separasse bonos angelos a malis, quia non potest separari privatio ab habito: quare non potest litteraliter intelligi. Intelligentia pura est Deus.

(Cartesii Cogitationes Privatae, in Oeuvres Inédites de Descartes, par le Comte Foucher de Careil, Paris, 1859, p. 14).

Diz o livro do Gênesis que Deus separou a luz das trevas, ou seja, os bons anjos dos maus, pois não é possível separar uma privação de um hábito. Portanto não se pode ler o texto literalmente. Deus é pura inteligência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário