Pesquisar este blog

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Lista dos dogmas de fide da Igreja Católica: III. O Redentor


Damos sequência aqui à tradução dos enunciados dos dogmas de fide tais como aparecem no compêndio de dogmática de Ludwig Ott. Você pode encontrar aqui a primeira parte e aqui a segunda parte da lista.

1. Jesus Cristo é Deus verdadeiro e Filho de Deus por essência.
2. Cristo tomou um corpo verdadeiro e não um corpo aparente.
3. Cristo não tomou simplesmente um corpo, mas também uma alma razoável.
4. Cristo foi verdadeiramente concebido e nasceu de uma filha de Adão, a Virgem Maria.
5. A natureza divina e a natureza humana estão unidas entre si hipostaticamente em Cristo, ou seja, na unidade da pessoa.
6. As duas naturezas de Cristo subsistem depois de sua união, sem transformação nem mescla, integralmente em sua particularidade.
7. Em Cristo, cada uma das duas naturezas possui uma vontade física própria e um modo de operação próprio.
8. A união hipostática da natureza humana de Cristo com o Lógos divino ocorreu no momento da concepção.
9. A união hipostática não cessará jamais.
10. O ato da união hipostática foi realizado em comum pelas três pessoas divinas.
11. Só a segunda pessoa divina se tornou homem.
12. Jesus Cristo é, também como homem, Filho natural de Deus.
13. O Homem-Deus, Cristo Jesus, deve ser honrado com um só culto, o culto absoluto de latria que pertence só a Deus.
14. Os predicados divinos e humanos de Cristo devem ser atribuídos só ao Lógos encarnado.
15. Cristo estava isento de todo pecado, tanto do pecado original quanto do pecado pessoal.
16. A natureza humana de Cristo estava sujeita aos sofrimentos corporais.
17. O Filho de Deus se encarnou para salvar os homens.
18. O homem caído não pode salvar-se a si mesmo.
19. Cristo é para os homens Legislador e Juiz.
20. O Homem-Deus Jesus Cristo é Grão-Sacerdote.
21. Cristo se ofereceu a Deus na cruz em verdadeiro sacrifício.
22. Pela morte na cruz, Cristo nos resgatou e reconciliou com Deus.
23. Cristo, por sua paixão e morte, mereceu de Deus uma recompensa.
24. Depois da morte, Cristo desceu aos limbos com sua alma separada do corpo.
25. No terceiro dia após sua morte, Cristo ressuscitou glorioso dentre os mortos.
26. Cristo subiu ao céu, de corpo e alma, e está sentado à direita do Pai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário