Pesquisar este blog

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Cesare Battisti e as sociedades secretas


Quem conhece um pouquinho que seja da história dos movimentos de extrema esquerda italianos da década de 70 e dos bastidores dos governos da França e do Brasil com certeza vai bocejar quando ler o que segue.

Por que Cesare Battisti não foi extraditado?

Porque é filiado a uma sociedade secreta com importantes ramificações no governo da França, país onde viveu clandestinamente durante décadas. A tal maçonaria teria usado o presidente francês Sarkozy, via sua mulher, Carla Bruni, para pressionar membros do governo brasileiro pertencentes a ramificações da mesma sociedade secreta. Teriam usado até o contrato de venda de aviões franceses ao Brasil para forçar a permanência do criminoso no Brasil.

É assim que funcionam as coisas na criptocracia de hoje. Tudo, é claro, na maior transparência e no respeito aos valores democráticos parará tchim bum.

Nada de novo sob o sol.

Nenhum comentário:

Postar um comentário