Pesquisar este blog

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Lobby satânico tenta reverter decisão popular contra o casamento gay na Califórnia

Referendo popular vetou casamento gay

Em mais uma estocada do lobby satânico internacional que tenta impor às populações do mundo inteiro o casamento entre sodomitas, um juiz da Califórnia declarou inconstitucional a decisão de um referendo popular que tornou ilegal esse tipo de união dois anos atrás. Na ocasião, a chamada Proposição 8, que negava a legalidade do casamento gay, deu de lavada, com 600.000 votos de vantagem (o mesmo número de votos que marcou a vitória de Obama), apesar do maciço apoio de Hollywood à causa satanista.

Na declaração justificativa da sua decisão, um verdadeiro show de pedestrianismo intelectual, o picareta togado afirmou não haver "base racional" para a validade do referendo. Não há nada mais surrealista e deprimente do que o conceito que esses boçais têm da racionalidade. Que Santo Tomás os perdoe.

Tudo isso é bem típico do lobby, cujo desprezo pelos povos e sua história só tem igual na cara-de-pau com que declamam louvores à democracia, à transparência e à liberdade.  Votações que contrariam seus interesses são julgadas nulas. Só vale o voto certo, ou seja, a favor do lobby, cujos tentáculos se emaranham por quase todos os governos do mundo e por toda a mainstream media.

É provável que o caso vá parar na Suprema Corte, onde a maioria satanista provavelmente vai decidir em favor do lobby.

Pobres crianças americanas. Sofrem um massacre ainda mais violento do que as crianças do Iraque!

Kyrie eleison. Christe eleison. Kyrie eleison.

Nenhum comentário:

Postar um comentário